e-commerce e marketing digital

Muitas empresas e empreendedores pecam quando vão colocar um e-commerce, escolhendo e investindo em lojas virtuais, plataformas e outros, sem definir uma estratégia e elaborar um plano para atuar on-line. Esse erro pode levar a dores de cabeça, retrabalhos e prejuízos.

Quem sabe esse texto pode ajudar.

Já falei, vou falar novamente, pesquisar, estudar, planejar e aplicar estratégias para um negócio digital e essencial, são essas atitudes que vão fazer um negócio on-line vender, isso vale para qualquer negócio no meu ver, mais importante ainda no digital. Isso porque a comunicação e o comércio pela internet são segmentáveis, posso configurar um perfil das pessoas que quero atingir e colocar dentro da minha loja. Por um lado, isso é muito bom, por outro, tenho que saber exatamente o perfil das pessoas que compram o produto ou serviço que pretendo trabalhar.

Conhecer o produto, mercado, o máximo sobre o segmento, junto com o perfil das pessoas que são o objetivo, vão respaldar os passos e atitudes para o empreendimento.

Mas por onde começo? Como monto minha estratégia?

Todo projeto que começo, listo várias perguntas pertinentes ao que quero fazer, e vou atrás das respostas. Costumo usar uma velha, mas muito eficiente ferramenta, para fazer esse trabalho, 5W2H.

  • What (o quê)?
  • Why (por quê)?
  • Who (quem)?
  • Where (onde)?
  • When (quando)?
  • How (como)?
  • How much (quanto)?

Só com essa etapa, muitas vezes analiso a viabilidade ou não de uma ideia. É bom detalhar essas perguntas, respostas até um ponto que possa tomar suas decisões. O material daqui derivado vai ser o embrião do plano de negócios.

Preciso olhar também, quais são as premissas, restrições e riscos que tenho executando meu projeto.

Sempre faço uma análise do ambiente externo, como também interno, recursos que tenho e mais. Se estiver trabalhando em um negócio que já existe e quero abrir o canal digital, deve-se levar os valores, missão, visão e objetivos da empresa para o canal digital, afinal, não é abrir outro negócio, ter um off-line e um on-line, é ter um negócio que atua em canais diversos.

Próximo passo, definir objetivos estratégicos, fechar qual é a estratégia que vou usar e começar os trabalhos.

Quais estratégias, o tamanho do plano e do trabalho, vai depender muito do negócio e seguimento. Já comentei em outro post, que devo fazer um sub-plano para cada área do negócio, unidos em um plano de negócio.

Caso tenha verba para, ter ajuda de um profissional, uma agência, pode economizar muito tempo e dinheiro, como também existe muitos modelos de planos e planejamentos na internet, pesquisar e ver o que melhor atende suas necessidades, pode dar menos trabalho que desenvolver do zero. Entidades de classe, como SEBRAE e outro disponibilizam cursos e consultorias também.

Tem assunto para mais, sempre preciso condensar o assunto para caber em um texto curto, caso alguém queira falar sobre e saber mais detalhes, estou disponível nos canais da Voga Digital.

Abraço

Caio Facó – CEO Voga Digital, Diretor da ABCOMM no Ceará.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *